SUZANO - Fone: (11) 4751-9657 | MOGI DAS CRUZES - Fone: (11) 3996-7297 | GUARULHOS - Fone: (11) 2304-7702

ENTENDA O QUE ACONTECE SE VOCÊ NÃO FIZER A VISTORIA.

 

A vistoria veicular é extremamente essencial para que você mantenha seu veículo em conformidade com a legislação de trânsito brasileira, porém muitos ainda têm dúvidas sobre as consequências de não fazê-la. É importante entender que a vistoria do Detran é uma exigência do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), portanto sua não realização pode gerar uma infração gravíssima. Se você não efetuar essa inspeção, não terá o novo CRV (Certificado de Registro de Veículo), também chamado de DUT (Documento Único de Transferência) em algumas regiões do país, que é um documento indispensável para a transferência de veículo e para a comprovação de que o automóvel é seu, apresentando também as especificações dele.
 
O artigo 230 do CTB prevê que, ao conduzir um veículo que não esteja registrado e devidamente licenciado, você comete a infração gravíssima, tendo como penalidade a multa e apreensão do veículo e medida administrativa a remoção ou retenção do mesmo. Na prática, não é obrigatório portar esse documento no dia a dia, então a obtenção de um novo registro CRV ocorre com mais frequência na transferência de propriedade ou domicílio, ocasião que pode ser verificada no artigo 233 do CTB:
 
CTB – Lei nº 9.503 de 23 de Setembro de 1997
Institui o Código de Trânsito Brasileiro.
 
Art. 233. Deixar de efetuar o registro de veículo no prazo de trinta dias, junto ao órgão executivo de trânsito, ocorridas as hipóteses previstas no art. 123:
– Infração – grave;
– Penalidade – multa;
– Medida administrativa – retenção do veículo para regularização.
 
A infração grave incita uma multa de 195,23 reais, enquanto a gravíssima uma de 293,47 reais. A vistoria veicular deve ser feita para obter um novo CRV e, consequentemente, estar dentro do que diz o Código de Trânsito Brasileiro. Desta forma, manter-se atento às documentações do seu veículo é imprescindível, principalmente para evitar esses problemas e permanecer em segurança nas ruas.
2018-11-21T10:52:37+00:00

Deixe um comentário